Além do Cidadão Kane

domingo, 25 de julho de 2010

Romênia

Maioria vive pior do que no socialismo

Um estudo publicado na semana passada pelo Instituto Romeno de Avaliação e Estratégias (IRES) demonstra mais uma vez que a maioria da população romena considera que tinha melhores condições de vida no período socialista, até 1989, do que hoje, nas condições do capitalismo.

Segundo a sondagem, 45 por cento dos inquiridos lamentam a destruição do socialismo e sentem a falta do governo liderado por Ceausescu. Mais de metade, 54 por cento, afirmam que vivem bastante pior do que até 1989.

Uma percentagem ainda maior, 56 por cento, afirma que aufere rendimentos inferiores aos de há cinco anos, refutando a propaganda oficial, que fala de um aumento de 100 por cento do salário médio em relação a 2005.

Este surpreendente resultado mostra apenas que numa sociedade em que as desigualdades se agravam os valores médios não traduzem a situação da maioria da população.

Face à profunda crise que o país atravessa, a maioria dos romenos (52 %) não acredita que nenhum partido do arco parlamentar tenha soluções para superar as dificuldades econômicas e sociais.

Original em Avante!
Topo

Um comentário:

AF STURT disse...

Camarada claro que essa notícia me deixa triste,mas por outro lado ela nos mostra que o capitalismo é não resolve as questões da maioria,em termos socias,economicos e politicos.
Temos que buscar a alternativa ,que é o socialismo!

Copyleft - Nenhum Direito Reservado - O conhecimento humano pertence à Humanidade.